Brasil – CTB convoca sua base e intensifica luta em Brasília contra reforma Trabalhista

Com o indicativo de leitura, no Senado, do relatório do PLC 38/2017, da reforma Trabalhista, na próxima terça-feira (6), a Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB) convoca sua base para intensificar a luta, em Brasília, contra a proposta que pode impor uma das mais perversas mudanças nas leis trabalhistas que vigoram hoje no Brasil. 

“Estamos convocando uma vigília a partir de terça-feira (6), no Congresso Nacional. Só conseguiremos barrar o retrocesso com a ampla mobilização de todos os setores da sociedade. Somente com luta conseguiremos preservar os direitos trabalhistas das perversas reformas de Michel Temer”, destacou o presidente da CTB, Adilson Araújo, ao fazer convocação de toda a classe trabalhadora.

Adilson lembra que as reformas trabalhista e previdenciária só potencializam a recessão e a crise que vive o país. “Estamos diante de uma encruzilhada e muito nos preocupa a instabilidade política e econômica. Não serão essas reformas que combaterão a crise no Brasil. É necessário mudar a política econômica, reduzir juros, controlar o câmbio e ampliar os investimentos públicos”, alertou ele.

E emendou: “E Temer não tem nem interesse nem legitimidade para tanto”.

Serviço:

Vigília em defesa dos Direitos Trabalhistas em Brasília

6 de junho – terça-feira

6h da manhã

Ocuparemos o aeroporto de Brasília para denunciar  a proposta de reforma Trabalhista, um verdadeiro abacaxi.

10h da manhã

Concentração na porta do Senado Federal contra a reforma Trabalhista

Mais informações:

Adilson Araújo – presidente nacional da CTB (11) 97475-2068
Raimunda Gomes – secretária de Comunicação da CTB – (11) 99676-8644
Joanne Mota – assessoria de Imprensa e Comunicação da CTB – (11) 98442-9245

Portal CTB

 

 

Share on Google+Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on RedditShare on LinkedInShare on TumblrEmail this to someonePrint this page